quinta-feira, 4 de janeiro de 2018

por dentro, um só mar

imagem da net


nem todos os rios correm para o mar...

há rios interiores que, sem o saberem, não se ouvem cantar.

e, no profundo silêncio envolvente, nem a luz perturba, nem os ventos agitam, nem os olhares invejam.

por vezes, é nesses abismos que aprecio mergulhar...

LM_04.jan.2018

9 comentários:

  1. Amigo Luís, é mesmo no silencio do "nosso rio subterrâneo" que temos que mergulhar para que nos inunde a força, a beleza, a certeza do caminho que queremos trilhar.
    Bela imagem, belas palavras, querido Amigo.

    Bom fim de semana.
    Beijo de luar

    ResponderEliminar
  2. Luis

    pois, por vezes todos nós mergulhamos nesses rios que são só nossos...

    beijo

    :)

    ResponderEliminar
  3. Foto espectacular. Linda de mais. Gostei das palavras
    .
    Escrevi:: * Cai a Chuva em desejo de amor-perfeito. *
    .
    Deixo cumprimentos
    Boa tarde.

    ResponderEliminar
  4. os rios interiores são indicifráveis, tens razão!

    caloroso abraço, meu amigo Luís Castanheira

    ResponderEliminar
  5. Um rio interior. Cheio de silêncios e de gritos. Tão perto do abismo que perturbam o olhar...
    Uma boa semana, meu Amigo.
    Um beijo.

    ResponderEliminar